18 fevereiro 2011

Quase 7°mês....

Foto: http://www.triada.com.br
Movimentos fetais cada vez mais intensos;
Sensação de dormência na parte baixa do ventre;
Aumento da umidade vaginal (leucorreia);
Congestão nasal e sensação de entupimento do ouvido;
Prisão de ventre;
Azia e dificuldade de digestão;
Câimbras nas pernas;
Possível inchaço dos tornozelos e dos pés, e às vezes também das mãos;
Possíveis dores de cabeça, às vezes desmaios e tontura;
Surgimento de algumas veias varicosas e/ou hemorróidas;
Dores nas costas;
Falta de ar e dificuldades para respirar;
Insônia;
Sensação de coceira no abdômen.
Emotivos:
Uma certa ansiedade com relação ao bebê e ao parto;
Períodos de distração e falta de concentração no que se está fazendo;
Sonhos e fantasias sobre o bebê;
Desenvolvimento Acelerado:
Nesta fase seu bebê já está bem formado, o sistema nervoso está se aperfeiçoando cada vez mais, e o cérebro está tendo um desenvolvimento acelerado. Ao final do sétimo mês, seus pulmões começam a se desenvolver e se por acaso nascesse agora, teria grandes chances e possibilidades de sobreviver.
Seu bebê durante o sétimo mês já consegue ter várias reações, como abrir e fechar os olhos e ter maior percepção da luz; distinguir entre o gosto doce e o amargo, e responder a certos estímulos com choro.
O aspecto do bebê:
Ao final do sétimo mês, seu bebê terá crescido bastante, chegando a pesar de 1 a 1,3 quilo, e medindo entre 37 a 40 cm. À medida que ele cresce, vai ocupando cada vez mais espaço no útero, que começa a ficar uma casa um pouco estreita para ele.
Qual é o aspecto da mamãe:
Se você continua mantendo um aumento de peso controlado, deve estar parecendo uma grávida com um barrigão bem redondo e bonito, mesmo se cada vez mais você estiver sentindo os pequenos probleminhas normais da gravidez, aproveite para ir vendo cursos de preparação ao parto e também para descansar um pouco mais..
Inchaço:
Muitas vezes, a gestante percebe suas mãos, pés, tornozelos, pernas e até o rosto, ficarem levemente inchados, por causa da retenção líquida que se verifica nos últimos meses da gravidez. Essa sensação de inchaço aparece normalmente no final do dia, ou quando faz calor, ou ainda se a gestante ficou muito tempo em uma mesma posição (sentada ou em pé). Se esse inchaço não for excessivo, e não estiver acompanhado de um aumento na pressão sanguínea, você não deve se preocupar
Calor Excessivo e Transpiração:
Esta sensação de calor que a gestante pode sentir principalmente nos últimos meses da gravidez, é provocada pelo aumento do nível hormonal, e faz com que a gestante tenha uma maior transpiração, principalmente à noite.

fonte: www.gravidas.org